Equipe

Conselho :: Equipe

Conselho


Eliane Costa
Mestra em Bens Culturais e Projetos Sociais pela FGV/CPDOC e Doutoranda na UFRJ/HCTE – História da Ciência e das Técnicas e Epistemologia, com pesquisa sobre a apropriação cultural do cenário das redes e tecnologias digitais por projetos socioculturais que se desenvolvem em favelas e territórios populares da cidade do Rio de Janeiro. É autora do livro Jangada Digital (Ed. Azougue, 2011), sobre as políticas públicas do Ministério da Cultura, na gestão Gilberto Gil, voltadas à Cultura Digital, especialmente no âmbito do Programa Cultura Viva / Pontos de Cultura. De 2003 a 2012, foi Gerente de Patrocínios da Petrobras, responsável pela gestão da política cultural da empresa que é a maior patrocinadora das artes e da cultura no país. É coordenadora do MBA Gestão e Produção Cultural com ênfase em Economia Criativa na FGV-Rio, no qual é também professora. Pesquisadora associada do Programa Avançado de Cultura Contemporânea (PACC) da UFRJ, graduou-se em Física nos anos 70, tem pós-graduação em Engenharia de Sistemas e MBA Executivo em Comunicação.


Lucia Nader
É pós-graduada em Desenvolvimento e Organizações Internacionais pelo Instituto de Estudos Políticos de Paris (Sciences-Po) e bacharel em relações internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo. Lucia é Fellow da Open Society Foundations (OSF) e foi nomeada empreendedora social pela Ashoka (2009). Ex-diretora executiva da Conectas, tendo sido coordenadora de Redes (2003-2005) e coordenadora de relações internacionais (2006-2011). Nessa última função, criou o programa de Política Externa e Direitos Humanos e foi secretária do Comitê Brasileiro de Política Externa e Direitos Humanos. Antes de trabalhar na Conectas, Lucia foi coordenadora de Comunicação e Relações Institucionais do Instituto Sou da Paz – organização que trabalha com violência urbana e direitos humanos. É autora de diversos artigos, incluindo “Descompasso: por que ONGs de direitos humanos em países emergentes não emergem?” (Open Democracy, 2013), “Reflexões sobre a política externa em direitos humanos no governo Lula” (Fundação Henrich Boll, 2011), “O Brasil no Conselho de Direitos Humanos da ONU: necessária superação da ambiguidade” (Revista Política Externa, 2009) e “O papel das ONGs no Conselho de Direitos Humanos da ONU” (Revista Sur, 2007)


Ana Toni
Sócia-fundadora do GIP, Ana Toni foi diretora da Fundação Ford no Brasil de 2003 a 2011, tendo gerenciado nesse período os trabalhos da Fundação nas áreas de direitos humanos, desenvolvimento sustentável, discriminação racial, ética, sexualidade e saúde reprodutiva, democratização midiática e direitos de propriedade. De 1998 a 2002, Ana for Diretora Executiva da ActionAid Brasil. Nesse período trabalhou em projetos na área de erradicação de pobreza e desigualdade por meio de iniciativas de desenvolvimento comunitário assim como em projetos de acesso a justiça por meio de políticas públicas e campanhas a nível nacional e internacional. Ana também trabalhou na ActionAid UK (1990-1993) como assessora de políticas da organização representando a mesma na Conferência das Nações Unidas em desenvolvimento e o meio ambiente. Em sua longa trajetória no Greenpeace, trabalhou primeiramente como diretora da unidade de políticas do Greenpeace Internacional (1993-1997) e posteriormente como Conselheira Sênior do Greenpeace Alemanha. Além de ter sido membro do conselho do GIFE e do Greenpeace Brasil, Ana é atualmente membra do conselho editorial do Le Monde Diplomatique Brasil, do Fundo Baobá por Igualdade Racial e da Wikimedia Foundation e integrante da Rede de Mulheres Brasileiras Líderes pela Sustentabilidade e é desde de 2011 a Presidente do Conselho do Greenpeace Internacional. Ana é formada em Economia e Estudos Sociais na universidade de Swansea, mestre em Políticas da Economia Mundial pela London School of Economics and Political Sciences, e doutoranda em Políticas Sociais pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).

Equipe


Carlos Affonso Souza
Doutor e Mestre em Direito Civil pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Pesquisador Visitante do Information Society Project, da Faculdade de Direito da Universidade de Yale. Professor Visitante nos cursos de graduação e pós-graduação stricto sensu da Uerj. Professor dos cursos de graduação e pós-graduação lato sensu da PUC-Rio e do IBMEC, lecionando matérias relacionadas ao Direito Civil e a à interface entre Direito e Tecnologias da Informação e Comunicação. Membro da Comissão de Direito Autoral da OAB/RJ (desde 2007). Conselheiro eleito do GNSO/ICANN como representante dos usuários não-comerciais da Internet (2008-2009) e membro do Comitê Executivo da NCUC (non-commercial users constituency). Membro do Comitê Executivo da Iniciativa por Princípios e Direitos Fundamentais na Internet, criada no Fórum de Governança da Internet (IGF) da ONU. Fundador e coordenador do Centro de Tecnologia e Sociedade (CTS/FGV), entre 2003 e 2013. Policy Fellow da ONG Access. Conselheiro do Instituto NUPEF. Consultor do Observatório da Internet no Brasil, uma iniciativa do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br). Cofundador e diretor do ITS Rio.


Ronaldo Lemos
Professor de Direito na Graduação e na Pós-Graduação da Uerj, graduado em Direito pela Universidade de São Paulo, mestre em Direito pela Universidade de Harvard, doutor em Direito pela Universidade de São Paulo. Pesquisador visitante do MIT Media Lab. Foi Professor visitante da Universidade de Princeton, afiliado ao Center for Information Technology Policy. Foi Professor visitante da Universidade de Oxford (Michaelmans term, 2005). Diretor do projeto Creative Commons no Brasil. Co-fundador do projeto Overmundo, vencedor do Golden Nica na categoria Digital Communities do Prix Ars Electronica 2007. Membro do Conselho de Comunicação Social criado pelo artigo 224 da Constituição, com sede no Senado Federal. Liaison Officer do MIT Media Lab para o Brasil. Membro do Conselho de Administração da Fundação Mozilla, que faz o navegador Firefox. Cofundador e diretor do ITS Rio.


Sérgio Branco
Doutor e Mestre em Direito Civil pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Professor de direito civil e de propriedade intelectual da graduação e da pós-graduação da FGV Direito Rio (2006-2013). Procurador-Chefe do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação – ITI (2006). Coordenador de desenvolvimento acadêmico do programa de pós-graduação da FGV Direito Rio (2005). Autor dos livros “Direitos Autorais na Internet e o Uso de Obras Alheias”, “O Domínio Público no Direito Autoral Brasileiro – Uma Obra em Domínio Público” e “O que é Creative Commons – Novos Modelos de Direito Autoral em um Mundo Mais Criativo”. Especialista em propriedade intelectual pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro – PUC-Rio. Pós-graduado em cinema documentário pela FGV. Graduado em Direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Cofundador e diretor do ITS Rio.


Juliana Nolasco
Possui graduação em Administração de Empresas e é mestre em Administração Pública e Governos pela Fundação Getúlio Vargas, onde foi pesquisadora do Grupo de Ensino e Pesquisa em Inovação (GEPI) da Direito FGV (FGV-SP). Trabalhou como Coordenadora Geral de Economia da Cultura e Estudos Culturais do Ministério da Cultura e foi assessora da Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, chefiada pelo ministro Roberto Mangabeira Unger. Também atuou como coordenadora de Estudos da Cultura Digital do Centro de Referência da Música Brasileira, no Auditório Ibirapuera. Foi gerente de projetos do Instituto Asas, Instituto fundado pela Red Bull no Brasil. Atuou também na direção do Projeto Trama Universitário, da gravadora independente Trama, e já realizou projetos de consultoria em diversas instituições culturais, entre elas UNESCO, Casa de Cultura Digital, Instituto Overmundo e Eletrocooperativa. Atualmente é consultora de projetos no ITS Rio.


Fabro Steibel
É professor de inovação e tecnologia na ESPM Rio (Brasil), é o Pesquisador Independente da Parceria de Governo Aberto no Brasil, e fellow em governo aberto pela Organização dos Estados Americanos. Foi pesquisador visitante na Universidade das Nações Unidas e na Universidade da Califórnia San Diego. Possui pós-doutorado em consultas públicas pela UFF (Brasil) e doutorado em Comunicação pela Universidade de Leeds (UK). Há mais de dez anos trabalha com pesquisa e projetos aplicados sobre tecnologia e sociedade para organizações como Unesco, Parlamento Europeu, Comissão Europeia, Mercosul e IDRC, além de publicar na área de Direitos Humanos, governo aberto e tecnologia. É diretor executivo do ITS Rio.


Arthur Protasio
Roteirista e designer de narrativas. Fundador da produtora Fableware e especialista em criar histórias para diferentes mídias, desde livros, jogos, TV até parques de diversão. Apresenta a websérie de análise crítica de games, LudoBardo, e é autor dos títulos “Negra Cicatriz: O Parto da Dor” e “Jogador de Mil Fases”. Também trabalha como consultor da novela televisiva “Geração Brasil” da Rede Globo; locutor da coluna diária “Mix Games” na Rádio Mix Rio FM; e roteirizou os jogos Ballistic, Spy of Us, Webmotors Racing, dentre outros. Mestre em Design pela PUC-Rio; Presidente da IGDA Rio; e professor nas áreas de narrativa e jogos em escolas como ESPM e Perestroika. Trabalhos em www.arthurprotasio.com.


Antonio Lima
Graduado em Ciências Econômicas pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e em Ciências Sociais pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Foi assistente de Finanças Corporativas da Energisa e estagiário de Planejamento Estratégico da Ipiranga. Na UFRJ, foi monitor, membro do conselho editorial da Revista Habitus e fez iniciação científica. Morou quatorze anos fora do Brasil, em sete países, sendo que sua última experiência internacional foi na Nigéria, prestando assistência para crianças refugiados. Tem interesse especial por economia da inovação e do desenvolvimento, educação e empreendedorismo inovador de impacto social. Atualmente, exerce o cargo de analista de projetos no ITS Rio.


Beatriz Laus Nunes
Graduada em Direito pela Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro. Estagiou no escritório Montaury Pimenta, Machado & Vieira de Mello Advogados na área de contencioso de Propriedade Intelectual. Dedicou sua monografia ao tema Impressão 3D e seu desdobramento na área do Direito, em especial no Direito do Consumidor, abordando também problemáticas relacionadas à Propriedade Intelectual. Possui interesse em aprofundar seu conhecimento em assuntos relacionados à tecnologia e seu impacto na sociedade. É assistente de projetos no ITS Rio.


Celina Bottino
Graduada em direito pela PUC-Rio, mestre em direitos humanos pela Universidade de Harvard. Especialista em direitos humanos e tecnologia. Foi pesquisadora da Human Rights Watch em Nova York. Supervisora da Clínica de Direitos Humanos da FGV Direito-Rio. Foi consultora da Clínica de Direitos Humanos de Harvard e pesquisadora do ISER. Associada do Centro de Defesa dos Direitos da Criança e Adolescentes do Rio de Janeiro. Atualmente desenvolve pesquisas na área de direitos humanos e tecnologia coordenando projetos na área de liberdade de expressão e privacidade. Coordenadora-geral de projetos do ITS Rio.


Chiara de Teffé
Mestre em Direito Civil pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro, tendo sido aprovada com distinção e louvor. Grau obtido por meio da defesa da dissertação intitulada “A tutela da imagem da pessoa humana na internet: da identificação do dano à sua compensação”. Atuou como pesquisadora bolsista da pós-graduação stricto sensu da Uerj. Graduada em Direito pela UFRJ. Atuou como pesquisadora bolsista de iniciação científica da Faperj e do CNPQ. Professora de Direito Civil. Realiza pesquisas acadêmicas em áreas do Direito Civil e do Direito e Tecnologia. Membro do conselho executivo da revista eletrônica civilistica.com (Qualis A2). Consultora na linha de pesquisa Direitos e Tecnologia do ITS Rio. Advogada.


Constance Albanel
Graduada em Ciência Política com especialização em estudos da América Latina e Mestre em Direito Comercial e Propriedade Intelectual pela Sciences Po Paris, onde foi membro da Associação dos especialistas em propriedade intelectual. Especialista em propriedade intelectual, tendo trabalhando em escritórios na França e Brasil. Coordenadora de projetos do ITS Rio.


Diego Cerqueira
Graduando em Sistemas de Informação pela Universidade do Grande Rio (UNIGRANRIO), com atuação nos setores público e privado, foi estagiário de desenvolvimento web na Fundação Oswaldo Cruz (EPSJV) por aproximadamente um ano. Apaixonado por tecnologia e desenvolvedor web por profissão, veio para o ITS para somar seus conhecimentos na área de programação e tecnologia à plataforma MUDAMOS. É assistente de projetos júnior do ITS.


Etiene Lessa
Tem experiência profissional nas áreas de direito e administração. Foi estagiária no escritório de advocacia Goes e atuou por três anos na administração da rede de lojas Giovanna Design. Trabalha no ITS Rio como assistente de projetos.


Gabriel Aleixo
Estudou Economia e Administração na Fundação Getulio Vargas do Rio de Janeiro. Possui cursos de Inovação, Criptografia, Psicologia e Filosofia da Mente pela Universidade de Cambridge, Reino Unido. É cofundador e desenvolvedor de negócios da startup carioca Awe. Integrante do conselho consultivo da Equilibrium Empresas no campo de Inovação. Foi diretor de projetos da FGV Júnior Consultoria & Finanças, quando liderou consultores responsáveis pelas áreas de empreendedorismo e planejamento estratégico da empresa. Atuando especialmente nas frentes de Bitcoin, tecnologia blockchain, segurança digital e educação online, é coordenador de projetos do ITS Rio.


Gabriel Itagiba
Graduado em direito pelo IBMEC, Gabriel estagiou em escritórios de advocacia nas áreas de contencioso estratégico e propriedade intelectual. Chegou ao ITS Rio em 2015 com o objetivo de atuar com temas de vanguarda relacionados ao direito e à inovação tecnológica. Hoje, ocupa o cargo de assistente de projetos, onde aplica e desenvolve seu conhecimento nas diversas áreas de atuação do instituto, com foco em inovação.


Manuela Curcio
Graduada no curso de Direito pelo Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais do Rio de Janeiro (Ibmec, RJ) no segundo semestre de 2014, tendo sido premiada pele desempenho acadêmico no curso de graduação de Direito nos anos de 2012 e 2014, o que lhe conferiu dois prêmios de Excelência Acadêmica. Trabalhou como estagiária no Escritório Modelo do Ibmec, RJ no ano de 2011, na Defensoria Pública no ano de 2012 e no Escritório de Advocacia Gouvêa Vieira no ano de 2013. Concluiu o curso de extensão “Repensando Cultura, Direito e Tecnologia” no final de 2014, ministrado pelo ITS Rio. É assistente de projetos do ITS Rio.


Marianna Jardim
Graduada em Jornalismo pela Pontifícia Universidade Católica (PUC-Rio) e cursista do Domínio Adicional em Política Internacional na mesma universidade. Trabalhou na FGV Projetos na área de conteúdo editorial, onde acumulou experiência com comunicação institucional e assessoria de imprensa, além de realizar congressos e eventos internacionais. É assistente de comunicação do ITS Rio.


Mario Viola
É Doutor em Direito e Master of Research pelo European University Institute, na Itália, Mestre em Direito Civil e Especialista em Direito do Consumidor pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e Especialista em Direito Privado pela UFF. Foi pesquisador visitante na LSE (Reino Unido). Participou de um programa de estágio na Autoridade Europeia de Proteção de Dados (Bélgica). Foi gerente de Projetos Especiais da Confederação Nacional das Empresas de Seguros Gerais, Previdência Privada e Vida, Saúde suplementar e Capitalização (2003 – 2014). Já atuou como consultor internacional do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento sobre o tema da proteção de dados pessoais e como membro do ad-hoc review panel do Committee on Data for Science and Technology do International Council for Science (Paris). É Professor do Curso de Pós Graduação em Direito Civil Constitucional da Uerj e do FGV Law Program da FGV. É Membro do Conselho da Seção Brasileira da Associação Internacional de Direito do Seguro e da Seção Brasileira da International Law Association. É autor de livros, capítulos de livros e artigos sobre os temas da proteção de dados pessoais, novas tecnologias e internet. Procurador do Município de Saquarema (Rio de Janeiro) e Advogado. Coordenador de projetos do ITS Rio.


Marco Konopacki
Doutorando em Ciência Política pela Universidade Federal de Minas Gerais. Graduado em Administração e Mestre em Ciência Política pela Universidade Federal do Paraná. Desenvolveu trabalhos na área de tecnologia de software e telecomunicações quando foi pesquisador do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA). Gestor e pesquisador nas áreas de Governança de Tecnologia da Informação, Desenvolvimento de Software, Participação Social e Ação Coletiva, com atuação nos setores público e privado. Foi assessor na Secretaria de Assuntos Legislativos do Ministério da Justiça e hoje é coordenador de projetos na linha de Democracia e Tecnologia do ITS Rio.


Max Holender
Graduado em Administração de Empresas pelo IBMEC e especializado em Gestão e Marketing Esportivo pela Trevisan. É sócio-fundador da SP2 Brazil Sport Production. Trabalhou em empresas como IBM Brasil, Quadrem Brazil Ltda., TV Globo/Sportv e Globosat. Gerente financeiro do ITS Rio.


Thiago Dias
Graduando em Desenho Industrial pela Escola Superior de Desenho Industrial (ESDI), trabalhou com marketing de benfeitoria para cidades na Satrápia depois de ter passado pela comunicação do Instituto Estadual do Ambiente – INEA/RJ e pelo Infoglobo. Gosta de co-criação e de solucionar problemas. Designer do ITS Rio e fotógrafo nas horas vagas.


Vanessa Vargas
Formada em Direito e pós-graduada em processo civil pela Cândido Mendes. Experiência profissional de dois anos e meio na Siqueira Castro Advogados e de quase dois anos no IBMEC, dentro da coordenadoria do curso de Direito. Foi assistente de ensino de pós-graduação em Direito Empresarial na Fundação Getúlio Vargas. É assistente de projetos do ITS Rio.


Victor Vicente
Possui profundo interesse em assuntos relacionados à tecnologia e inovação com impacto social. É graduado em jornalismo pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e pós-graduando em Marketing e Design Digital pela ESPM. Trabalhou por dois anos no Grupo In Press e possui experiência de três anos na área de Comunicação Institucional. É coordenador de comunicação do ITS Rio.


Vinicius Padrão
Graduando em direito pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Foi estagiário no Ministério Público no ano de 2015 e no escritório de advocacia Bocater em 2016. Atua na linha de pesquisa Direitos e Tecnologia do ITS Rio. É assistente Júnior do ITS Rio.


Yasmin Thayná
É cineasta, diretora e fundadora da AFROFLIX, curadora da FLUPP (Festa Literária das Periferias) e consultora de audiovisual no Instituto de Tecnologia e Sociedade (ITS-Rio). Dirigiu e escreveu dois filmes: KBELA, uma experiência sobre ser mulher e tornar-se negra, e BATALHAS, sobre a primeira vez que teve um espetáculo de funk no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Dirigiu a série AFROTRANSCENDENCE, escreve no Brasil Post e no Quebrando o Tabu.