Estratégia Brasileira de Inteligência Artificial

Perfil da participação da sociedade na consulta pública

publicado em

4 de maio de 2020

categorias

{{ its_tabs[single_menu_active] }}

análise

O Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) lançou a Consulta Pública da Estratégia Brasileira de Inteligência Artificial, com o objetivo de “colher subsídios para a construção de uma Estratégia Nacional de Inteligência Artificial que permita potencializar os benefícios da IA para o país, mitigando eventuais impactos negativos”, que ficou disponível no portal Participa.br entre os dias 12 de dezembro de 2019 até 02 de março de 2020.

Para identificar o grau de participação de cada setor da sociedade, o ITS categorizou as contribuições em cinco setores: academia, governo, setor privado, terceiro setor e indivíduos.

Confira o resultado dessa análise nos gráficos abaixo.  Ao final disponibilizamos a base de dados utilizada para que outros possam fazer suas próprias análises.

Os gráficos são interativos. Passe o cursor do mouse nas imagens abaixo para navegar pelos dados.


Para saber quais foram as contribuições do ITS para a consulta, clique aqui.

 

A base de dados está disponível para download aqui.*
* Para realizar a classificação entre academia, governo, setor privado, terceiro setor e indivíduos, utilizou-se um critério interpretativo a partir do nome fornecido e pesquisa para que fosse identificado eventual vínculo acadêmico e posterior classificação como “academia”. Além disso, algumas associações, por representarem os interesses de algum setor privado específico, foram classificadas como “setor privado”. Não foram contabilizados os comentários na seção de “Apresentação e Instruções”.